Poder Judiciário do Tocantins institui Gabinete Virtual para atendimento padrão em processos judiciais - Notícias - Diligência - Credibilidade em informação jurídica

Notícias

Poder Judiciário do Tocantins institui Gabinete Virtual para atendimento padrão em processos judiciais

Jurídicas 22/05/2021
Poder Judiciário do Tocantins institui Gabinete Virtual para atendimento padrão em processos judiciais
Para garantir um atendimento padrão e de qualidade a advogados, defensores públicos, promotores de justiça, as partes em geral envolvidas no processo judicial o Poder Judiciário do Tocantins publicou nesta última quarta-feira. 19 de maio, a Portaria Conjunta Nº 15, implantando, no âmbito do Poder Judiciário do Estado do Tocantins, o atendimento telepresencial nos gabinetes de primeira instância. O ato normativo foi assinado conjuntamente pelo presidente do Tribunal de Justiça, desembargador João Rigo Guimarães e pela corregedora-geral da Justiça, desembargadora Etelvina Maria Sampaio Felipe. Denominado Gabinete Virtual, a proposta pretende ofertar acesso ao juiz pelas partes, equivalente ao atendimento presencial.  Nesta sexta-feira, 21/5, a iniciativa foi apresentada ao presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Tocantins, Gedeon Pitaluga, em reunião virtual, que também tratou de outras demandas e contou com a participação de presidentes de subseções da OAB, da corregedora-geral, Etelvina Felipe, juízes auxiliares da Presidência e Corregedoria, Manuel de Faria Reis Neto e Roniclay Alves de Moraes, respectivamente. 
A desembargadora ressaltou que o atendimento aos advogados pelos magistrados é um pleito sempre recorrente da advocacia. “Reconhecemos esse direito como prerrogativa da OAB e, como o momento não nos permite um atendimento presencial, aproveitamos a oportunidade e o contato com a OAB nesta data para apresentar aos advogados presentes na reunião virtual, uma ferramenta semelhante ao balcão virtual, só que exclusiva para o contato com o Gabinete e com o juiz. É uma forma facilitadora e padronizada para os atendimentos aos advogados, e que ao final deixa o seu registro, o que possibilita uma fiscalização mais eficiente pela Corregedoria-Geral da Justiça, em caso alguma reclamação”, explicou a corregedora. 
O sistema foi apresentado pelo diretor de Tecnologia da Informação, Ernandes Rodrigues da Silva “É uma ferramenta que já estamos usando no Balcão Virtual, é a mesma plataforma, tem uma facilidade de ser um canal único e isso facilita para as partes na usabilidade”, explicou o diretor.  
Gabinete Virtual
Com a nova ferramenta fica instalado o atendimento telepresencial nos gabinetes de primeira instância das Comarcas do Poder Judiciário do Estado do Tocantins. O atendimento ocorrerá obrigatoriamente por meio do software padronizado implantado pela Diretoria de Tecnologia da Informação (DTINF) do TJTO, que será responsável também pelo cadastramento de todas as unidades judiciais do Judiciário tocantinense. 
O Gabinete Virtual ainda está em fase de implantação e deve estar em pleno funcionamento na próxima semana. O acesso estará disponível no portal do TJTO (WWW.tjto.jus.br), na caixa de pesquisa por “Comarcas”, depois é só escolher a unidade judicial desejada. 
Os atendimentos serão realizados, inicialmente, por mensagem de texto e, caso haja interesse, por videoconferência com servidores e o magistrado em exercício, após agendamento.  O primeiro atendimento será feito pelos servidores indicados pelo magistrado, conforme escala. Caso a parte entenda necessário, poderá solicitar atendimento direto com o magistrado, que ocorrerá por meio de videoconferência, em horário previamente agendado com a assessoria, em ordem cronológica, em até 24 (vinte e quatro) horas, salvo impossibilidade de pauta.
Texto: Kézia Reis
Comunicação TJTO

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins

© Diligência.com.br
competente, confirma , sentença, indenizar, indenização, turma, mandado de segurança, recorreu da sentença, Conselho Regional, Colegiado, desocupação , Defensoria Pública da União, DPU, Ministério Público Federal , MPF, Advocacia-Geral da União , AGU, Caixa Econômica Federal , CEF, Departamento Nacional de Infraestrutura , DNIT, Departamento de Estradas e Rodagem , DER, DNER, PFE, Data do julgamento, Publicação no diário oficial , Servidores públicos , aquisição de estabilidade, condenação, condena, condenado, recorrente , recorrido, constituição federal, aposentadoria por invalidez, AIDS, portador, cardiopatia, imposto de renda, IR, Fazenda Nacional , apelante, princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, união , agravo de instrumento, adicional de férias, polo passivo, interesse processual , processamento e julgamento, pensões e aposentadorias, pensão, aposentadoria, competência, demandante, descumprimento da obrigação, sentença penal , unânime, provimento, aposentadoria especial, tempo de serviço, tempo de contribuição, julgou procedente, autarquia , Instituto Nacional do Seguro Social , INSS, CTPS, impetrante, ajuizamento da ação, serviço especial , ANP